Enem 2022: Solicitação de isenção de taxa será requerida a partir de 04 de abril

O INEP divulgou que o período para solicitar isenção de taxa do Enem 2022 será a partir do dia 04 de abril, cujas provas serão realizadas nos dias 13 e 20 de novembro de 2022.

Justificativa de ausência Enem 2021

O período para justificar a ausência do Enem 2021 será requerida também a partir dessa data, por meio do site do INEP. Para os estudantes que faltaram à referida edição, somente após a justificativa de ausência, poderão solicitar a isenção de taxa para a edição de 2022.

Isenção de taxa Enem 2022 e justificativa de ausência Enem 2021

Tanto a isenção de taxa do Enem 2022 quanto a justificativa de ausência do Enem 2021 serão requeridas por meio da página do participante, até o dia 15 de abril de 2022.

Inscrição Enem 2022

Os interessados em participar do Enem 2022 (isentos ou não) deverão realizar sua inscrição para o Exame, em data que ainda será divulgada.

O que deve mudar para as próximas edições do Enem?

A partir de 2024, o Enem deverá a ser realizado em duas etapas, sendo que:

  • No primeiro dia, os estudantes realizarão provas mais gerais, conforme a Base Nacional Comum Curricular (BNCC).
  • No segundo, os inscritos farão provas, de acordo com a área vinculada ao curso superior, para o qual eles desejem ingressar.

As provas do Enem do primeiro dia, segundo a BNCC, seriam de:

  • Linguagens
  • Matemática
  • Ciências da Natureza
  • Ciências Humanas

As provas do segundo dia seriam de:

  • Disciplinas específicas voltadas às áreas de Biológicas, Exatas e Humanas. Por exemplo, caso o estudante fosse seguir esta última área, os testes serão compostos por questões de Língua Portuguesa, História, Geografia, Sociologia e Filosofia.

Elaboração do Novo Enem

De acordo com o MEC a elaboração do Novo Enem seguirá o cronograma abaixo:

  • Em 2021: elaboração e consolidação da versão preliminar das matrizes de avaliação das quatro áreas de conhecimento;
  • Em 2022: validação pedagógica das matrizes das quatro áreas do conhecimento e elaboração da versão final; elaboração do documento básico do exame; publicação da portaria do Enem, conforme as diretrizes do Novo Ensino Médio;
  • Em 2024: aplicação do Enem conforme as diretrizes do Novo Ensino Médio.

Para que servem as notas do Enem?

Veja abaixo para que servem as notas do Exame Nacional do Ensino Médio:

  • Vagas no Sisu: Pela nota no Enem o estudante disputará vagas em universidades públicas e gratuitas por meio do Sisu; Sistema de Seleção Unificada. Veja como funciona o Sisu, e como o candidato usa a nota do Enem para concorrer em universidades públicas no Brasil inteiro.
  • Bolsas pelo Prouni: A nota do Enem valerá também para a disputa bolsas de estudo pelo Prouni, Programa Universidade para Todos, nas Faculdades privadas. Bolsas de 100% ou de 50% do valor das mensalidades. Veja aqui o que é o Prouni, Programa Universidade para Todos.
  • Financiamento Fies: Para o estudante que quiser estudar em Faculdade particular e optar pelo financiamento pelo Fies- Programa de financiamento Estudantil, também é preciso ter feito o Enem. O candidato estuda primeiro, e só paga depois que terminar a graduação.
  • Ingresso em mais de 50 Instituições Portuguesas, que firmaram convênio com o INEP.
  • Vagas no Pronatec: A nota no Enem valerá também para disputar vagas no Programa Nacional de Acesso a Cursos Técnicos, o Pronatec. São duas etapas de inscrição a cada ano, no mesmo procedimento utilizado para disputar as vagas das universidades no Sisu.
  • Complemento ao vestibular: Diversas instituições utilizam as notas do Enem como complemento para o Vestibular.
  • Substituição ao Vestibular: Diversas instituições utilizam as notas do Enem para ingresso em seus cursos de graduação, de forma que o estudante fique dispensado de realizar provas para ingresso.
  • Seleção para vagas ociosas: Após a realização de todas as chamadas pelo Sisu, as universidades públicas utilizam as notas do Enem para ingresso nas vagas ociosas de seus cursos de graduação.
  • Seleção para transferência de cursos de graduação: As instituições utilizam ainda as notas do Enem para selecionar os candidatos para transferência para seus cursos de graduação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.