Auxílio Emergencial 2021: Valor e quantidade de parcelas da prorrogação

O ministro da Economia, Paulo Guedes, confirmou que o auxílio emergencial 2021 poderia ser prorrogado. O benefício estava previsto para encerrar em outubro, quando o governo espera ter concluído a vacinação da população adulta.

Guedes disse que a prorrogação do auxílio emergencial até outubro tem aval da equipe econômica. Nesta sexta-feira, 1º de outubro, o Ministro da Economia, Paulo Guedes, chegou a falar que o ministro da Cidadania, João Roma, iria estender o benefício.

Após a fala sobre a prorrogação e diante da repercussão rápida no mercado financeiro, o ministro esclareceu que trocou “Auxílio Brasil“, o novo programa social que vai substituir o Bolsa Família, por “auxílio emergencial”, o benefício concedido durante a pandemia.

Auxílio Emergencial 2021

A ideia da prorrogação até então aprovada era de uma continuidade do benefício e, por isso, os valores foram mantidos. Atualmente, o auxílio emergencial é de R$ 150 a R$ 375, a depender da configuração familiar.

No início de junho o ministro já havia sinalizado a possibilidade da prorrogação, condicionada à situação da pandemia e ao andamento da vacinação da população adulta no país. “Mais dois ou três meses, porque a pandemia está ai. […] Vamos renovar o auxílio e logo depois entra o novo Bolsa Família já reforçado”, declarou Guedes no dia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.